Diary of a composer, 46, with pancreatic cancer

Sergio Roberto de Oliveira is one of Brazil’s leading composers, twice nominated for a Latin Grammy.

He has been on the sharp end of a chilling diagnosis.

He has decided to face it down with a video diary, starting this week.

He speaks Portuguese, but the communication is intense enough to be universally comprehensible.

Sergio-Roberto-de-Oliveira02

share this

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on google
  • I could not understand the language, but his smile, his tone of voice, his character moved me to tears. I wish him well and hope he can enjoy the life he is given. It is a gift to have life, something never to be taken for granted. God bless him.

  • This is one of the most dreadful cancers; my mother died from it at 58. He has my sympathy and luck for the journey.

  • Thanks, Jeffrey! I’ve just made a little video in English. If you think it is a good idea to have some in English, I don’t promise to be so frequent, but I can record once or twice a week. Here, the link for the video I’ve just made: https://youtu.be/XEn_CpLwWig
    Sergio

  • Sergio, que exemplo você nos dá!!! Bravo!!! Bravíssimo!!! Se já era sua fã e admiradora, agora mais que nunca! O caminho é esse, também conversei e converso com minhas células, continue meu querido, elas nos ouve, acredite! Minhas sinceras vibrações de saúde e coragem, estarei orando por você! Às vezes quando me recolho meditando busco ouvir uma das que mais gosto de sua composição, Ao Mar com Dou Santoro. Jesus o Médico dos médicos está contigo!

  • Roberto,
    Você tem o meu respeito, admiração e solidariedade. Agradeço a você pela música, que eu acredito ser uma das coisas mais especiais criadas pela humanidade. Abraço fraterno.
    Geraldo

  • Sergio is a wonderful guy, full of strength and kindness. If anyone can beat this disease, he is the one.

  • Achei de muita valia e valentia sua fazer este diário publico! Amei!
    Minha mãe sempre disse que tudo q é demais é de menos não é bom!!
    O equilíbrio para TUDO , e nosso objetivo e nossa meta, e o mais difícil, mas nada impossível!
    Beijos

  • >